Um dos problemas mais sérios de saúde e que preocupa muitos durante o verão é a dengue.  Muitos tutores acabam também ficando preocupados se essa doença também é transmitida para os cães, mas afinal será que a dengue é um perigo para os cachorros?

Pode ficar tranquilo, pois a dengue não irá atacar o seu cão!

Apear do mosquito transmissor da dengue poder picar vários animais, a dengue só é transmitido para os seres humanos. Desse modo, mesmo que o seu cão seja picado por um mosquito que transmita a doença, ele não sofrerá nenhuma consequência.

A transmissão do vírus não ocorre nos cães devido à concentração de uma proteína, conhecida como isoleucina, que é utilizada pelo mosquito para poder sintetizar as reservas energéticas para poder ser reproduzir. Por esse motivo, os mosquitos que transmite a dengue prefere o sangue humano, e consequentemente acaba transmitindo a doença. (Esse foi um estudo de 2001, publicado pelo “Journal of Medical Entomology”).

O cão não terá nenhum problema quanto a dengue, mas existe outras doenças bastante sérias que são transmitidas por mosquitos e você deve ficar atento, como é o caso da Leishmaniose e do Dirofilariose.

O mosquito da dengue pode transmitir a dirofilariose?
Até o momento não existe na literatura que comprove que o mosquito da dengue transmita a dirofilariose, sendo que também não há nada comprovado.  O que os especialistas apenas comentam é que a picada do mosquito que seria responsável pela dirofialrioser seria um inseto do gênero culex. Que possui hábitos completamente diferentes do mosquito da dengue e que atinge em ambientes bastante distintos.

Existem trabalhos que defendem a potencialidade do mosquito Aedes transmitir o parasita da dirofilariose, no entanto, nada foi comprovado. Inclusive, existem evidências de a não existe nenhuma ligação direta entre as duas doenças, pois, em mais de 10 anos de surtos de dengue no Rio de Janeiro, a incidência de dirofilariose não aumentou.

Não existe na literatura que comprove o boato de que o Aedes aegypti transmita o agente patogênico da dirofilariose. De acordo com especialistas, a picada de um mosquito é responsável por introduzir a dirofilária na circulação sanguínea do animal, porém o transmissor principal é o inseto do gênero culex.

Quanto a Leishmaniose você pode conferir o nosso artigo que fala em detalhes sobre a doença aqui!