Pode ser durante uma caminhada ou até mesmo em casa, o seu cão pode sofrer um pequeno acidente que acabe causando uma ferida com sangramento. Mas saber como agir nesse momento é fundamental para que não haja possíveis complicações.

Como as feridas superficiais são as mais comuns, algumas dicas básicas já são suficientes para cuidar do seu cão.

O que faço, caso o meu cão se fira gravemente?
Se a ferida for grave, a primeira coisa é manter a calma e agir rapidamente. Pressione o sangramento com um pano e coloque pressão para estancar o sangramento. Uma vez o sangramento controlado, você deve levar o seu cão imediatamente ao veterinário.

E se a ferida for superficial, você pode tratar em casa:
Limpe a ferida com água oxigenada volume 10 diluída com gaze estéril, evite utilizar algodão, pois deixa vestígios de fibras na ferida. Caso você não possua gaze, utilize um pano limpo. Neste momento o mais importante é limpar bem o ferimento remover toda sujeira da ferida para que não ocorra uma infecção. Lembrando que a limpeza deve ser feira de dentro para fora e evitar que a sujeira volte novamente. Para finalizar, passe iodo no local do ferimento.

Para uma melhor cicatrização é melhor deixar a ferida secar ao ar livre. Já que ao tampar o ferimento ela levará mais tempo para cicatrizar. Você pode também utilizar um pouco do aloe vera ou outros produtos específicos acelerar o processo de cicatrização. Agora para impedir que seu cão lamber ou coçar a ferida você deve fazer uso de um colar de plástico específico para pets, que são facilmente encontrados em pet shops.

Se por acaso você seguir essas dicas, mas a ferida possua pus, seja dolorosa ao toque para o seu cão, leve-o imediatamente ao veterinário.